Bixo de pé


Josefino era um amigo que eu tinha, ele era nordestino (o que já se percebe pelo nome), ele era engraçado e extrovertido, apesar de que muitas coisas que ele falava a gente não entendia ( já que ele falava rápido e embolado ) mas. Um dia estávamos no bar com mais alguns amigos ouvindo o Josefino contar umas de suas historias a do bicho-de-pé:
- rapas um dia eu acordei com uma coceira danada no meu pé, fiquei avechado e aguniado com aquela coceira que não passava nunca, depois de um tempo resolvi olhar para o meu pé e fiquei assustado com o tamanho dôo bicho-de-pé que estava na sola do meu pé. Sabe não era um bicho e sim um bichão, naquela agonia fui correndo mostrar o meu pé para minha muié,
- “homi que tamanho de bicho é esse!!! Porque você não me trouxe antes?”(disse ela)
- eh que eu gosto da coceirinha!!! Mas depois que eu vi esse bichão eu fiquei com medo
- bichão nada, é uma bichona!!!
- Ué como você sabe?
- É que ela ta com ovas
- Oxe então tire a bichona antes que ela crie!!
- Posso não, se eu tirar esse bicho com esse monte de ovas vai cair seu dedo, vai ter que levar numa benzedeira, para ela benzer e tirar esse bicho daí
- Daí rapases tive que ir numa cidade a mais de cem quilômetros onde tinha uma benzedeira que benzeu e tirou o bicho, vou falar uma coisa para oces, bicho da uma coisseirinha gostosa mais vou dizer uma coisa, ter uma bichona tem seu lado bom mais é duro de tirar essas bichonas do pé depois!!!!
Daí a gente deu umas risadas da cara do Josefino ate que uma vos gay soou atrás de nós:
- oque é que você tem contra as bichonas? Nordestino safado
- é que por um tempo ate que é bom, mas depois elas só incomodam!!!!(respondeu josefino)
Na hora que eu olhei para trás eu via a merda que o coitado do Josefino tinha acabado de fazer, tinha um moreno,alto,magro, de cabelos cumpridos e trançados, de roupas coladas no corpo, de salto alto e super furioso, tão furioso que pegou o Josefino ergueu ele do chão e disse na cara dele:
- eu sou uma bichona!!! Você tem algo contra?
- (Josefino olhou confuso para a gente e disse) ele uma bichona?
Isso só deixou o cara mais nervoso, ao ponto de o cara jogar o Josefino longe ( a primeira vez que eu vi um cabeça chata voar), o coitado caiu em cima de umas mesas e levantou meio atordoado e não deu nem tempo de tentar explicar alguma coisa porque o viadão logo ergueu o Josefino do chão e começou a dar uns tapas na cara dele, eu vendo que não tinha outro jeito, tive que intervir na briga:
- DA PARA PARAR COM A PUTARIA!!!! PORRA ( gritei efusivamente )
daí quando o viadão parou um pouco de bater no coitado eu expliquei rápido antes que ele voltasse a bater no Josefino de volta:
- lá de onde ele vem, bichona que dizer bicho-de-pé!!
- É verdade!!!(Josefino entendendo oque tinha acontecido) teu peguei uma bichona enorme no meu pé que deixou um baita buraco no meu dedo ( daí ele tirou o sapato e a meia e mostrou o dedão ) óia só!!!
- Ai que nojo tira isso daqui (gritou o viadão)
Depois de tudo explicado, o viadão ( que se chamava Camili ) acabou pedindo desculpas e também acabou tomando cerveja junto com a gente, mas o pior de tudo foi ter que levar o Josefino para casa e tentar explicar para a mulher dele o porque ele estava todo quebrado e com o olho roxo!!!!

2leep.com

1 Comentarios:

Muzyka' s Blog disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk


comédia ein!!

 
©2009 Historias de minha vida | by TNB