Estragando o aniversario


Bem tinha uma menina que morava no meu condomínio que era bem mimada e que de tanto encher o saco da mãe dela, convenceu a mãe a dar uma festa enorme de aniversario para ela, a festa ia ser feita no salão de festa do meu condomínio e ia ser grade mesmo porque eu e meu amigo Ricardo tínhamos o costume de andar no bosque e vimos quando chegou o “carregamento de refrigerantes”, nos gostávamos muito de andar no bosque principalmente depois que minha mãe (a cindida ) andou fazendo umas reformas no bosque e o deixou muito bonito, a grama parecia a de um campo de golfe e o jardineiro platou um monte de flores e vários tipos de plantas diferentes (inclusive aquela arvore pequena que parece uma moita que os jardineiros costumam a fazer esculturas nelas) e também as calçadas e churrasqueira foram reformadas, ficou muito bom para andar no bosque, passear e conversar com os amigos, e a gente sempre via também essa menina no bosque brincando com as amigas dela . Bom a gente ficou sabendo que a menina convidou quase todo mundo do condomínio inclusive os porteiros e os zeladores do condomínio, minha mãe também foi convidada, só que eu e meu amigo Ricardo concordamos em não ir a festa, ia ter muita gente e também pelo que a minha mãe me falou ia ter as umas coisas que eu odeio karaokê, pagode, cover da Xuxa e o que eu menos gosto palhaço. Só que uns três dias antes do aniversario eu e o Ricardo estávamos na portaria do conjunto olhando o movimento quando a futura aniversariante chegou perto de nos dois e disse:
- vocês sabem que eu vou dar uma festa de aniversario e convidei um monte de gente?
- Sim! minha mãe falou(disse eu).
- Então (ela meio brava começou a falar), tem um monte de gente convidada menos vocês dois...
- ( daí eu fiquei bravo e comecei a discutir com ela) mas você convidou minha mãe e irmão!!!
- Mas e daí, elas vão e você não vai.
- Mas porque a gente não pode ir?
- É que eu não gosto de vocês dois!!!
Daí o Ricardo fico intrigado e disse:
- porque você não gosta da gente? A gente fez algo de errado com você?
- Algo de errado vocês não fizeram, é que eu não vou com a cara de vocês dois!!!
Bom pra não arranjar briga nos ficamos quietos, mas ela não sabe com quem ela mexeu porque se ela soubesse ela não teria mexido com a gente. Bem eu tenho os seguintes ditados: “ você não pode odiar alguém sem motivo” e “ não cutuque a onça com a vara curta”. Bem ela desrespeitou os dois e nos deixou com raiva dela, ambos concordamos que a gente deveria se vingar dela e que o melhor jeito de fazer isso era acabar com a festa dela e nos dois tínhamos um plano que consertesa ela iria adorar. Bem no dia anterior da festa eles quardaram a comida da festa e as bebidas no salão de festas, bem eu peguei as copias das chaves do condomínio que a minha mãe tinha, eu e o Ricardo saímos escondidos quando era quase meia noite carregando duas bolsas, nos fomos para o salão de festas garantindo que ninguém nos visemos. Nos entramos no salão e vimos que quase tudo estava pronto só faltava colocar os doces e o bolo na mesa. A primeira coisa que nos fizemos foi abaixar a temperatura do ar condicionado para que as bexigas que estavam penduradas na parede murxassem, a segunda coisa foi ir a geladeira do salão e comer uns docinhos que estavam lá, depois que nos enchemos a pança jogamos foras os papeizinhos dos bombons fora ( não poderíamos deixar prova que nos estivemos ali ), depois que nos comemos nos despejamos vinagre em cima dos docinhos para que eles ficassem azedos (se um dia você quiser fazer isso tem que ser com vinagre de uva branca, se não da certo ), depois enchemos os salgadinhos de sal, pegamos as cervejas e chaqualhamos para deixar elas como o povo daqui do sul diz “chocas”, e para ajudar abaixamos a temperatura do freezer onde estava as bebidas para que elas não ficassem muito geladas, e por último eu roubei uma seringa com agulha do meu avo e o laxante dele, que era um dos mais fortes, ele usava em dois em dois anos, a cada dois anos ele intorna um vidro de laxante e fica cagando uns dois dias, um dia eu perguntei o porque que ele tomava laxante ele respondeu: -“ olha moleque é quando se fica velho é bom tomar laxante para limpar as tripas e dar uma lubrificava no rabo”. É eu acho que não adiantava muito já que depois de quase dois dias que ele quase morria dentro do banheiro ele continuava com as mesmas dores. Bom voltando a historia, eu peguei a seringa puxei para dentro dela o laxante e injetei laxante em varias partes do bolo,( você pode estar se perguntado, mas e a mãe dele não ia? Bem ela ia sim mas ela não gosta de bolo de chololate, bem a minha irmão gosta mas eu não tava nem ai para ela)depois disso nos fomos embora. No dia seguinte começou a festa, os balões estavam todos murchos e a cerveja estava choca (oque não impediu algumas pessoas de enxerem a cara), mas como tinha karaokê, palhaço, piçina de bolinha e etc.. ninguém ligo para isso!!!
Bem a gente ficou bem longe da festa sentado na escadaria, ficamos esperando para ver a correira. Bem quando passou umas duas horas a mãe da menina passou pela gente e perguntou o porque que a gente não estava na festa e como uma boa oportunidade de fuder mais um pouco a menina a gente fez uma cara de triste e contou para a mãe dela oque tinha acontecido e dissemos para dar mais uma ajudinha que ela tinha feito aquilo com mais umas pessoas, a mãe dela ficou vermelha de raiva e disse:
- quando a festa terminar eu vou ter uma conversinha com ela, mas não se preocupem podem ir para a festa, sou eu que estou convidando.
- Não tia é melhor a gente ficar aqui para não arranjar confusão.
- Mas eu insisto para que os dois vão.
Daí o Ricardo teve uma idéia que alem de nos livrar daquele sufoco ia diminuir a chance de que alguém desconfiasse de nos... disse ele:
- olha tia a gente não quer ir não, mas se a tia puder, guarda um pedaço de bolo e uns doces para a gente e manda pelas nossas mães...
Ela concordou e foi embora, daí deu uma meia hora e começou o parabéns, tinha quase duzentas pessoas, daí nos fomos mais perto do salão para ver a correria, depois do parabéns saiu umas mulheres dizendo que a comida lá tava muito ruim os doces estavam azedos e os salgadinhos muito salgados, na hora que eu ouvi isso fiquei muito feliz, com mais um tempinho eu fiquei mais feliz ainda, porque começou a gritaria, formo uma fila no banheiro, tinha gente gemendo e gente sem saber oque tinha acontecido. Bem você se lembra do bosque que eu falei que era bonito? Então um foi e usou o bosque de banheiro, depois dele foi mais um monte de gente que ficou escondido atrás das arvores e das churrasqueiras, outros foram bater na porta dos visinhos para que emprestassem o banheiro, teve um visinho nosso que ate lucrou, começou a cobrar um real por pessoa. Bem terminou o dia com um monte de pessoas de coloração amarela, dizem que a menina e a vó dela que mais passaram mal. Chegou a noite eu fui para casa para ver oque minha mãe ia dizer, cheguei lá tava meu irmão ocupando o banheiro, minha mãe dizendo a bagunça que a festa foi e que a mae da menina disse para minha mae que a menina iria ficar uns dois anos sem festa por causa doque ela fez com migo, e meu vô dizendo:
- mas isso que aconteceu não foi tão ruim, pelos menos eles vão ficar com as tripas limpas e lubrificadas!!!!
Mas no dia seguinte veio a conseqüência, você deve se lembrar que a menina convido ate os zeladores e você também deve se lembrar que usaram o bosque como banheiro, então imagine quem que teve que ir limpar o bosque no outro dia, como os zeladores faltaram por estarem passando mal bem sobrou para a sindica e seus filhos!!!!

2leep.com

2 Comentarios:

alaroz12 disse...

very nice blog! If you are lonely, please visitmy blog, we havemany friends in exchange

Venenosa da web disse...

quanto voce cobra para vir estragar o aniverssario de minha irma????

 
©2009 Historias de minha vida | by TNB